O Naturismo é uma forma de viver em harmonia com a Natureza caracterizada pela prática da nudez colectiva, com o propósito de favorecer a auto-estima, o respeito pelos outros e pelo meio ambiente.
Mostrar mensagens com a etiqueta debate. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta debate. Mostrar todas as mensagens

domingo, 23 de junho de 2013

Comentários, empenho e trabalho!

A recente ida ao programa na TV da Fátima Lopes do Rui e da Isa gerou duas ondas no Facebook:
A primeira foi a onda de visualizações e partilha do video do programa  que já contabiliza mais de 30.000 visualizações e inúmeras partilhas.

A segunda foi a onda de comentários, desde aqueles que nunca praticaram o naturismo até aos que estão mais envolvidos na vida associativa.

Como em todo o lado uns negativos (poucos), outros no espírito nacional do "bota abaixo" (poucos) e outros positivos quer pelo conteúdo quer pelo debate sério do naturismo e das suas actuais necessidades (muitos).

Nesta publicação sintetizamos alguns dos que dentro dos comentários levantam algumas das questões e dos caminhos a percorrer, ou seja os que  abrem portas ao debate construtivo, lançam caminhos e ideias, podendo como tal ser boas ferramentas de trabalho para futuros debates.

Se for do vosso conhecimento outros comentários dentro deste espírito podem adiciona-los aos comentários para conhecimento publico e organizado sobre o tema.

"Gostaria que se empenhassem na frequência assídua das praias oficiais naturistas. Gostaria que se empenhassem na solicitação às respectivas autarquias, para que estas criassem condições de apoio condigno às praias oficiais naturistas. Gostaria que se empenhassem em solicitar às autarquias locais para a legalização de espaços oficiais naturistas. Gostaria que se empenhassem em sensibilizar a Polícia Marítima para que faça vigilância nas praias oficiais naturistas. Gostaria que se empenhassem para sensibilizar as entidades regionais de Turismo para que estas divulguem os espaços oficiais naturistas. Gostaria que se empenhassem para sensibilizarem as ARH. Gostaria que se empenhassem a exigir ao actual Governo que legislassem o apenso à Lei nº. 53/10. Em suma: se todos se empenhassem, acredito que, a médio prazo, existam 19 praias oficiais naturistas." Álvaro Campos

"Ouvi a entrevista e gostei, diria até que foi uma entrevista ponderada e séria por parte dos entrevistados, e bem conduzida pela prima Fátima.
O número relatado de praias, em todo contexto da entrevista, não me parece relevante, muito mais importante foi haver mais uma entrevista a mostrar o que é a filosofia naturista, as dificuldades, e o preconceito que ainda existe.
Pergunto até se o importante é ter as tais 19 praias, ou se é preciso primeiro arrumar a casa para podermos ocupar todas essas praias de forma digna e com as condições a que todos os naturistas anseiam?" Para quê uma vivenda de 19 quartos, quando apenas só um é que é ocupado"? Penso que encontros convívios com 19 elementos federados que defendam a causa, numa única praia era muito mais interessante e importante na divulgação, que ter as tais 19 praias desertas do espírito naturista e ocupadas pelos têxteis.
Partilho concordo e defendo o ponto de vista do Álvaro, quando pede os inúmeros empenhos que descreve no ultimo post dele nesta mesma conversa, só com essas causas se chega lá, mas numa segunda fase, primeiro volto a repetir "arrumar a casa"
É claro que esta é uma opinião pessoal, e como tal parabéns aos entrevistados."
Carlos Leite

"Parabéns pelo comentário (do Carlos). Em conjunto com o comentário sobre empenho do Álvaro, sintetizam o caminho a seguir e o trabalho que existe pela frente, falta "apenas" concretiza-lo.
O arrumar a casa, ocupar e melhorar as praias existentes, ocupar as redes sociais com divulgação e desmistificação e, ocupar os media nacionais permitindo divulgar e desmitificar ainda mais além, são 4 pilares essenciais para o futuro do naturismo, mas também e em especial do associativismo.
Urge atrair e formar jovens dirigentes associativos para garantir o futuro, sob pena de tudo o já foi conseguido ser em vão, ninguém caminha para novo e o futuro será o maior legado que nós agora poderemos construir para os naturistas vindouros.
Só assim honramos o que recebemos de quem nos antecedeu e sentiremos a sensação de dever cumprido.
O Rui e a Isa estão de parabéns, estiverem à altura do desafio, mesmo sabendo que muito ficou por dizer.
Mas estamos todos de parabéns porque o trabalho de todos em conjunto com a obra construída permitiram que este momento tivesse acontecido, não caiu do nada, foi fruto de dezenas de anos de trabalho e persistência."
Paulo Garcia
___________________________________________________________